Notícias

Imagem

Brasil em Crise?! Lucro dos maiores bancos do Brasil no 1º trimestre é o maior desde 2015

Ganhos de Itaú, Bradesco, Santander e Banco do Brasil estão crescendo. Enquanto isso, trabalhadores pagam os mais altos juros

O lucro líquido dos maiores bancos do Brasil no primeiro trimestre do ano foi o maior desde o 2º trimestre de 2015, segundo levantamento da Economatica.

De janeiro a abril, Itaú Unibanco, Banco do Brasil, Bradesco e Santander somaram juntos ganhos de R$ 16,3 bilhões.

O resultado é 13,3% superior ao registrado no mesmo período do ano passado (R$ 14,39 bilhões).

Além disso, é o terceiro melhor trimestre da série histórica desde 2006, atrás apenas do segundo e do primeiro trimestres de 2015, com R$ 17,34 bilhões e R$ 16,47 bilhões, respectivamente.

O maior lucro foi do Itaú, com R$ 6,28 bilhões, que citou avanço das receitas com serviços e queda da inadimplência como fatores para a alta de 3,7% em relação ao ano anterior.

O Bradesco apresentou o segundo melhor resultado, com um alta de quase 10%, para R$ 4,467 bilhões. Foi o segundo maior lucro trimestral já registrado pelo banco.

O Santander obteve lucro líquido de R$ 2,8 bilhões, o que representou um avanço de 54% sobre o resultado do mesmo período de 2017, que havia sido impactado por uma tributação extraordinária de R$ 872 milhões.

Já o Banco do Brasil não ficou muito atrás, com ganhos de R$ 2,74 bilhões. O acréscimo de 12,% sobre o lucro do primeiro trimestre do ano passado foi puxado pelo aumento das receitas com tarifas e pela redução das despesas de provisão.

Comente esta notícia