Notícias > Notícias do dia

Imagem

Nivus é o nome do novo SUV-cupê compacto da Volkswagen

Nivus é o nome do SUV compacto que a Volkswagen programa fabricar em São Bernardo do Campo (SP) a partir de maio de 2020, conforme divulgado pelo presidente da empresa no Brasil e América Latina, Pablo Di Si, na quarta-feira, 4. A fabricante já havia confirmado a produção do modelo no País e também na Europa no fim de agosto, quando levou à sua sede na Alemanha o governador de São Paulo, João Doria, para fazer a divulgação oficial da última fase de seu programa de investimento na subsidiária brasileira (R$ 2,4 bilhões do total de R$ 7 bilhões aplicados entre 2017 e 2020), contemplando o desenvolvimento do novo carro e a modernização de várias áreas da Planta Anchieta, que em 2019 completa 60 anos de operação.

O Nivus foi desenhado integralmente no centro de design da Volkswagen em São Bernardo. Com ele, a fabricante lança no mercado brasileiro o conceito que chama de New Urban Coupé, devido ao desenho do veículo, que tem silhueta com a caída traseira de um cupê em uma carroceria com altura mais elevada do solo, típica de um utilitário esportivo.

Chegou-se a cogitar que o novo carro seria o SUV derivado do Polo, mas o presidente da Volkswagen adiantou que o modelo tem visual bastante diferente e porta-malas maior do que seu irmão hatch – embora ambos irão dividir a mesma linha de São Bernardo, produzidos sobre a versão compacta da plataforma modular global do Grupo VW, a MQB, que no Brasil também serve de base para o sedã Virtus e o SUV T-Cross (este feito em São José dos Pinhais, PR). “O Nivus inaugura uma linguagem de design mais agressiva, com tempero latino, que daqui para frente será usada em outros modelos pela Volkswagen”, destaca Di Si. Também será o primeiro carro na América do Sul a utilizar o novo logo minimalista lançado pela marca este ano.

“O modelo é um pouco mais baixo que um SUV tradicional e bem mais alto do que um sedã”, acrescenta Di Si. Ele adiantou ainda que o Nivus vai introduzir um novo sistema multimídia global da marca, que assim como o novo carro também foi desenvolvido integralmente na subsidiária brasileira, entregando ao consumidor novos serviços digitais. “Vocês vão ver, a parte digital será um show”, acentua.

O Nivus será o 17º do ciclo de 20 lançamentos que a Volkswagen realiza no Brasil entre 2017 e 2020 e será o segundo SUV nacional da marca, devendo ser posicionado em preço e tamanho um pouco abaixo do T-Cross, lançado em maio deste ano. Um pouco acima dos dois deverá ficar o terceiro SUV da marca produzido no Mercosul, o projeto Tarek, a ser fabricado na Argentina no fim de 2020 ou começo de 2021.
 

INVESTIMENTOS E INCENTIVOS EM SÃO BERNARDO


 

Assim como já aconteceu com a chegada de Polo e Virtus à linha de produção de São Bernardo, a Volkswagen informou que o Nivus trará mais investimentos e novas tecnologias de produção à Planta Anchieta. Serão adotadas mais ferramentas da Indústria 4.0, como impressoras 3D, processos digitalizados, mais automação e inteligência artificial. Está no plano também a introdução de um novo conjunto de prensas para garantir maior produtividade.

O aporte de R$ 2,4 bilhões (recortado do plano integral de R$ 7 bilhões no País) em São Bernardo deverá ser beneficiado pelo IncentivAuto, programa criado este pelo governo de São Paulo que prevê a concessão de descontos no ICMS de veículos fabricados no Estado envolvidos em investimentos acima de R$ 1 bilhão, com geração de no mínimo 400 empregos – o abatimento tributário começa em 2,25% e chega ao teto de 25% para quem investir acima de R$ 10 bilhões. A empresa também se enquadra na exigência do IcentivAuto de abertura de novas vagas de emprego, pois informa ter efetivado 500 funcionários recentemente, 400 para novas posições abertas nas linhas de montagem e outros 100 no departamento de engenharia e design, que desenvolveu o Nivus e onde já trabalham quase mil pessoas no Brasil.

Fonte:Automotive Business

Categorias:

Comente esta notícia